Os números pífios do CAR